Faço essa para Vinicius,
O de Moraes,
Que onde estiver,
Com certeza deve ler!

Fala da paixão em poesia,
Ou da paixão pela poesia,
Ou do amor da paixão,
Ou ainda, a paixão do amor,

Colocamos na prosa,
A emoção trançada,
Marcamos na vida,
O prazer vivido,

Somos felizes, na prosa,
Constante doçura do viver,
Em pouco, em muito,
Ao tempo que passa,

Não resta dúvida,
A alegria impera,
Mesmo na tristeza da dor,
Ainda tem um sorriso,

Para mostrar nas palavras,
O eterno do momento,
Que registrado fica,
Reforçando o vivido,

A para falar de amor,
Só tu Vinicius,
Que mostrava o calor,
De ser eterno enquanto dure,

E esse eterno em nossa vida,
Tão feliz vivida, é todo dia,
Marcando o hoje, o ontem,
E quem sabe, um amanhã…

Anúncios