Madalena por aqui passou,
Deixou João a esperar,
E a saudade imperar…
Sendo que Maria bem tentou,
Consolá-lo da solidão,
Que amargava seu coração,
Mas, nada adiantou…

E Madalena seguia,
Para encontrar seu amor, Mathias,
Que longe se escondia,
Tão malando que era,
E a pobre por ele encantava,
Mas, só peripécias aprontava…

E não é que mesmo sendo assim,
Mathias se apaixonou por Maria,
Porque via o quanto ela sofria,
Pelo cego do João,
Tanta dó que lhe tomou,
Que nem seu coração agüentou…

Madalena que amava Mathias,
Mathias que amava Maria,
Maria que amava João,
E João que amava Madalena…

Anúncios