Um mundo fútil,
Imperando a inveja,
E o infantil egoísmo,
Somos todos iguais,
Mas, todos querem diferença,
Cor, raça, destino,
Esquecendo que o fim,
Ah, o fim, é igual,
Sete palmos para baixo,
E uma alma perdida,
Quem há de socorrer,
Que cor e raça ter?
E que reino viverei?
Hipócritas, digamos,
Seremos iguais,
Penando pelo espaço,
A busca de Deus,
Que tão longe estará…

Anúncios