Hoje inicia uma saga poética… pois, o que dizer da distância, da saudade, do amor… só a poesia explica, e o coração sente…

 

O caminho da solidão,

Túnel negro na imensidão,

Vem o medo da ilusão,

E na noite a escuridão,

 

Sinto só, sem você,

Parece que nada resta,

Só o frio e a tristeza,

Para calar o coração,

 

Por tantas vezes,

Busquei o consolo,

Na sentida esperança,

E só o silêncio respondia,

 

Tento entender o tempo,

Que não parece passar,

E cultiva a saudade,

Do ainda irá voltar…

Anúncios