O incrível da poesia,

São seus dois ápices,

Amor ou Dor,

 

Sempre nas palavras,

São resolvidas as questões,

Iniciando ou terminando,

 

Na alegria, contagia,

A imaginação se perde,

Um êxtase irradia,

 

Na dor, o desespero,

Pensar que não seguiu,

E o coração miserado ficou…

Anúncios