“Socorro, não estou sentindo nada, Nem medo, nem calor, nem fogo, Não vai dar mais pra chorar, nem pra rir… Já não sinto amor, nem dor, já não sinto nada, Socorro, alguém me dê um coração, Que esse já não bate…”
 
Socorro,
A verdade fugiu,
A consciência tirou férias,
A violência aumentou.
 
Socorro,
O amor se perdeu,
O ódio reinou,
O perigo incendiou.
 
Socorro,
É o que peço,
É o que queria,
É o que preciso,
 
Socorro,
Para sobreviver os dias,
Para entender o momento,
Para aceitar a vida.

Anúncios