Voltei de novo há um pouco de Lulu, aliás, a mesma em certos momentos…….”Se existe alguém na linha, se tem alguém no ar, por favor responda agora, não me faça esperar….Aqui sou eu sozinho, do outro lado não sei não…”
 
O mundo de espelhos,
Por onde olho,
Só vejo a mim.

Não um egoísmo,
Mas, a estreita solidão,
Tão cheia de  barreiras,
Que invadem o coração.

Perguntas sem respostas,
É o caminho da desilusão
Não vejo ninguém na multidão…

Anúncios