Amigos,

Platônicos da verdade,
Aparecem em momentos,
Que muitas vezes,
São de ventanias…

Causam impactos,
Incomodam a melancolia,
E dão sentido,
Para o já então perdido…

Arrasam aquela dor,
Deixada por algum amor,
Que incomoda, ocupa,
E se disfarça…

Procuram espaço,
Onde há tanta ocupação,
Deslocam imagináveis,
Para colocar solução…
 
Fazem parte dos instantes,
Seguem nos dias,
Caminham na vida,
São esses que chamamos,
 
Amigos….

Anúncios