Como pode fugir tanto,
Se esconder das verdades,
Às vezes perde-se por meretrizes,
Da mentira e da saudade.

Não quer saber de agir,
E muito menos refletir,
Fica perto da ilusão,
E tão longe da realidade.

E nem sonhando,
Saí algo de pureza ou imaginação,
E tudo por culpa
Da danada da inspiração…

Anúncios